PLAYER 01 WEB RADIO TROPICAL

PLAYER 01 - AUXILIAR DA WEB RADIO TROPICAL

PLAYER PARA ANDROIDE E SAMARTFONA

PLAYER PARA ANDROID E SMARTFONE PARA OUVIR CLICK NO PLAY

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Vídeo mostra suspeito furtando bicicletas em prédio em Vitória


Crimes ocorreram em Jardim da Penha, duas vezes no mesmo mês.
Moradores registraram furtos na delegacia e caso será investigado.

Do G1 ES, com informações de A Gazeta
Câmeras do circuito interno de um prédio em Jardim da Penha, Vitória, flagraram um homem invadindo o local e furtando bicicletas, em dois dias diferentes, neste mês de outubro. O último crime ocorreu na última segunda-feira (20), de madrugada. De acordo com o síndico, a ação tem preocupado moradores. Os crimes foram registrados em uma delegacia no município e serão investigados.
Os crimes sempre ocorrem de madrugada. O primeiro furto foi registrado às 3h10 do dia 9 de outubro. De acordo com o síndico, o criminoso aproveitou uma obra no edifício ao lado para pular o muro e invadir o prédio. As imagens mostram ele seguindo direto para a garagem e permanecendo no local por 12 minutos, até levar a primeira bicicleta. Para sair, ele apenas forçou o portão de alumínio.
Na segunda vez, nesta segunda-feira (20), ele retornou às 1h40. Forçou o portão novamente e conseguiu entrar, conforme mostraram as imagens. Em apenas dois minutos, ele sai levando mais uma bicicleta.
“Nas duas vezes que eles esteve lá, tinham obras acontecendo em edifícios nessa rua. O ladrão se aproveita do fato das construções estarem abertas, para invadir o nosso prédio. Já reclamamos, mas nenhuma providência ainda foi tomada”, reclamou o síndico, de 38 anos, que preferiu não se identificar.
O prejuízo deixado pelo criminoso também preocupa os moradores. “Dessa última vez tive que pagar R$ 350 pelo conserto do portão de alumínio que ele quebrou. Isso porque fizemos só a primeira parte do conserto, faltam alguns ajustes ainda”, disse o síndico.

Homossexual morre após ser espancado e esfaqueado, no ES


Suspeitos de envolvimento no crime teriam preparado uma emboscada.
Segundo a polícia, vítima teria passado a mão em um dos suspeitos.

Do G1 ES, com informações de A Gazeta *
Um homem de 31 anos morreu depois de ser espancado e esfaqueado em Itapemirim, no Sul do Espírito santo. De acordo com a Polícia Civil, a vítima era homossexual e teria caído em uma emboscada no último domingo (19), no momento em que saía de um bar. O corpo só foi localizado no domingo (20). Um dos suspeitos de ter participado do crime foi detido nesta segunda-feira (21).

Segundo os policiais, o caso teria começado em um bar da região, onde o homem bebia na companhia de três amigos. Durante a conversa, a vítima teria passado a mão em um dos rapazes que estavam com ele, o que teria gerado um brigado no estabelecimento. No entanto, a situação teria sido resolvida no próprio local e o grupo voltou a beber.
Porém, os rapazes que faziam parte do grupo no momento do confusão teriam preparado uma emboscada. No momento em que deixavam o bar, eles teriam colocado a vítima
dentro de um carro e a levado até a localidade de Pontal, onde onde foi agredida a socos, pontapés e facadas.
Ainda de acordo com a polícia, um homem de 24 anos já está preso suspeito de ter participado da ação criminosa. Em depoimento, ele teria confessado o crime. O envolvimento das outras duas pessoas ainda é investigado.
* Com colaboração de Beatriz Caliman, de A Gazeta

Ônibus é apedrejado por grupo após briga por ciúmes na Serra, ES


Marido queria agredir vendedor de TV por assinatura que fugiu em ônibus.
Motorista e um cobrador ficaram feridos.

Do G1 ES, com informações de A Gazeta
Ônibus é apedrejado por grupo após briga por ciúmes na Serra, Espírito Santo (Foto: A Gazeta)Ônibus é apedrejado por grupo após briga por ciúmes na Serra (Foto: A Gazeta)
Um motorista e um cobrador ficaram feridos após o ônibus que estavam ser apedrejado por um grupo de jovens na tarde desta terça-feira (21), em Serra Dourada I, na Serra, na região Metropolitana de Vitória. Segundo a polícia, o crime aconteceu depois de uma briga por causa de ciúmes.
Um vendedor, de 24 anos, estava vendendo pacos de TV por assinatura no bairro, quando teria assediado uma dona de casa. O marido, de 21 anos, ficou com ciúmes, e os dois brigaram. O vendedor tentou fugir das agressões entrando no coletivo da  linha 813 do Transcol, que faz o trajeto Serra Dourada para o Terminal de Laranjeiras.
Ainda de acordo com a polícia, o marido da dona de casa juntou um grupo de amigos e tentou impedir que o ônibus saísse do local, arrancando parte da lataria. Mesmo assim, o ônibus seguiu para o terminal. Quando o veículo retornou ao bairro, o grupo cercou novamente o ônibus e começou a jogar pedras. Uma das pedras atingiu a coluna do cobrador e os estilhaços de vidro feriram os braços do motorista.
Uma equipe da Polícia Militar passava pelo local e prendeu o marido em flagrante. Ele foi levado para o Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) do município. O suspeito foi autuado por dano ao patrimônio público, ameaça e lesão corporal.
O empresário, Leonardo do  Nascimento, chefe do vendedor que foi agredido, esteve na delegacia e confirmou o relatado. Nascimento disse que o funcionário estava apresentando o plano para a mulher, quando o marido passou de bicicleta e começou a ameaçar o vendedor. A vítima foi agredido, mas conseguiu entrar no ônibus em busca de socorro. Nascimento disse que o vendedor foi profissional e em nenhum momento assediou a mulher. Na delegacia, a mulher confirmou que foi assediada pelo homem e por isso o marido ficou zangado.
Cobrador e motorista ficaram feridos em apedrejamento a ônibus, no Espírito Santo (Foto: Reprodução/TV Gazeta)Cobrador e motorista ficaram feridos em apedrejamento a ônibus (Foto: Reprodução/TV Gazeta)

Chileno suspeito de estelionato é preso em flagrante na Barra, no Rio


Polícia já o investigava por fazer compras com documentos e cartões falsos.
Ele mora com a família num condomínio de luxo na Zona Oeste.

Do G1 Rio
Um chileno, que morava em um condomínio de luxo na Zona Oeste e andava de carro importado, foi preso por estelionato na terça-feira (21). Ele é suspeito de fazer compras com documentos e cartões de crédito falsos.
O homem foi preso em fragrante quando fazia compras com documento falso numa loja de móveis. Na delegacia, Alejandro Felipe Vanni Sarras tentou esconder o rosto. De acordo com a polícia, ele faz parte de uma quadrilha que age na Barra da Tijuca e no Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste, aplicando golpes com cartões de crédito.
“Um dos estabelecimentos comerciais entrou em contato com a delegacia para relatar que um suposto integrante dessa quadrilha estava lá presente para efetuar a retirada da mercadoria. Ele estava acompanhado de uma mulher, supostamente sua companheira, e nesse momento a autoridade policial determinou que fosse um efetivo da delegacia para realizar a prisão em flagrante”, detalhou a delegada adjunta da 16ª DP (Barra da Tijuca), Paula Loureiro.
Segundo os investigadores, o estelionatário morava com a família num condomínio de luxo na Zona Oeste. Os policiais apreenderam um carro importado, com placa da Bolívia, e recuperaram os móveis que ele havia comprado com cartão falso.
Quando percebeu a chegada dos agentes, o chileno se escondeu no banheiro da loja e jogou os documentos no vaso sanitário. Mesmo assim foi preso em flagrante porque já era investigado pela Polícia Civil. Os delegados responsáveis pelo trabalho tentam agora identificar e prender outros integrantes da quadrilha.
Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o VC no G1.

Em poucas horas, suspeito se envolve em dois tiroteios no Rio


Jonas Pereira trocou tiros com agente penitenciário e policias da UPP.
Criminoso foi levado ferido para o Hospital Souza Aguiar, no Centro.

Do G1 Rio
Um suspeito se envolveu em dois crimes nesta terça-feira (21), segundo a Polícia Militar. Jonas Rodrigo Lopes Pereira, de 24 anos, trocou tiros com um agente penitenciário durante uma tentativa de assalto em Vila Isabel, na Zona Norte do Rio. Horas depois, entrou em confronto policiais da UPP do Jacarezinho.
O agente penitenciário e um amigo contaram que foram abordadas por criminosos próximo ao acesso ao Morro dos Macacos e reagiram, sendo alvejadas durante troca de tiros. Segundo os policiais do 6º BPM (Tijuca), dois homens em uma moto tentaram roubar o carro do amigo que acompanhava o agente. Eles, então, trocaram tiros com os bandidos.
Por meio de nota, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária confirmou que uma das vítimas é Inspetor de Segurança e Administração Penitenciária. Ele foi identificado como Cesar Barleta, lotado na Cadeia Pública Pedrolino Werling de Oliveira, no Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu.
Cesar foi baleado na mão e o amigo nas costas. Ambos foram socorridos em um hospital em São Cristóvão. PMs fizeram buscas na região, mas não localizaram os suspeitos. O caso foi registrado na 20ª DP (Vila Isabel).
Como mostrou o Bom Dia Rio na manhã desta quarta-feira, Jonas Rodrigo Lopes Pereira ficou ferido e estava internado no Hospital Souza Aguiar, no Centro. Até o horário de publicação desta reportagem não havia informação atualizada sobre o estado de saúde dos feridos.

PM detém homem com maconha e dinheiro no Parque Saraiva, em Campos


Suspeito tentou fugir pulando o muro de uma casa, mas foi detido pelos PMs
 Ururau

Suspeito tentou fugir pulando o muro de uma casa, mas foi detido pelos PMs

Policiais militares detiveram um homem e apreenderam maconha e dinheiro durante a noite dessa terça-feira (21/10), no Parque Saraiva, na Baixada Campista.
Os militares estavam em patrulha quando encontraram o homem identificado como S., que portava nove buchas de maconha e a quantia de R$ 20,00 em espécie.
S. tentou fugir dos policiais pulando o muro de uma casa na Rua Coronel Barros, sendo alcançado pela equipe e detido.
O suspeito e o material apreendido foram encaminhados à 134ª Delegacia Legal de Campos, onde o caso foi registrado.
Publicidade


Fonte: URURAU

Meninas de Guarus: TJ/RJ nega habeas corpus de um dos cinco presos


Ministério Público deflagrou operação na última sexta-feira com 20 denunciados
 Carlos Grevi

Ministério Público deflagrou operação na última sexta-feira com 20 denunciados

O processo que tramita em segredo de justiça, do caso que ficou conhecido como ‘Meninas de Guarus’ teve mais um capítulo nesta terça-feira (22/10), quando o advogado de uma das partes, ou seja, um dos cinco presos na última sexta-feira, (17/10) entrou com pedido de habeas corpus que não foi deferido pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ/RJ). Com a primeira negativa os advogados podem fazer novas tentativas.
Em nota, o Ministério Público (MP/RJ) que voltou a destacar a condição de ‘segredo de justiça’ e, portanto, não há a autorização de divulgação de nomes dos envolvidos. A nota desta forma não traz informações que possam elencar de quem partiu a solicitação.
A reportagem do Site Ururau foi informada de que a desembargadora da 2ª Câmara Criminal do TJ/RJ, Rosa Helena Penna teria requerido informações junto ao juízo, neste caso, o de São João da Barra, e que não iria se manifestar por hora, somente depois de avaliar os depoimentos prestadas pelas partes no inquérito, para depois se pronunciar.
Dos seis mandados de prisão preventiva expedidos, cinco foram cumpridos na sexta-feira e um ainda não foi localizado. O Ministério Público (MPRJ) ofereceu denúncia contra 20 pessoas acusadas de envolvimento com exploração sexual infantil e outros crimes.
A denúncia, assinada por seis promotores de Justiça, foi recebida pela 3º Vara Criminal de Campos.
Publicidade


Fonte: REDAÇÃO